Clannad e David...

O video e anime da semana, que deveriam ter saído ontem aqui no blog, são uma boa dica pra você que não tem nada o que fazer (igual a mim).
Eu deveria estar escrevendo sobre o meio ambiente, né, já que ontem foi o dia da mãe natureza e não sei mais o que...Mas deixemos isso pra lá. Vamos ao que é interessante, e o meio ambiente não é tãããooo interessante pra se falar num post.
Anime

O anime da semana é Clannad. Pra quem está começando sua vida de otaku somente agora, aconselho a não assistir, ainda; mas no futuro, caia dentro nele, porque é muito bom. Uma estória envolvente, e personagens muito lindos. Com certeza Nagisa irá conquistar você, e o Tomoya também, afinal. Digamos que de todos os personagens, estes são os principais.
O anime conta a vida de Tomoya depois que este conheceu Nagisa, e começou a ajudá-la. Ele é o típico delinquente da sala, e tem problemas familiares. Seu pai é um belo de um cachaceiro, e já teve ataques de raiva em que descontou com violência no filho. Por isso, quando Tomoya estava na terceira série e prestes a participar do campeonato de basquete -o esporte que tanto se empenhava- não o pode fazer, porque seu pai lhe deu uma surra tão grande que machucou tremendamente seu ombro direito; desse modo ele não pode suspende-lo. Nagisa, por sua vez, uma menina delicada até demais; tem uma saúde frágil, e por isso repetiu de ano. Suas saúde é um completo fiasco. Um dia está tudo bem, mas é só cair uma chuvinha que a pobrezinha já tá morrendo.
O amor dos dois é muito lindo, mesmo. Não sou dessas que gosta de desenhos nem filmes de romance, mas esse anime é um dos com melhor estória. Ah, sim; se você quer assistir um anime cheio de violência e coisas sobrenaturais, esse não é o melhor pra satisfazer sua vontade.


Video


O menino ficou super dopado após sair do dentista, e seu pai -um desses retardados que enconstramos aos montes por ai- resolveu filmar seu querido filhinho falando coisa com coisa. É hilário. As caras que o menino faz, e o que ele fala, são mesmo engraçadas. Ele chegou a perguntar ao pai se estava no mundo real... senti pena do coitado. '-'




Até a próximaa :*
Comenta ai, vai *----*

Um comentário:

  1. Gostei! Muito legal...

    Amei o blog!

    Estou seguindo-o...

    Beijos,vick

    ResponderExcluir