O misterio da morte - parte de um conto

    Não tinha mais jeito. A morte já havia escolhido sua próxima vitima, e esta já não podia correr; não tinha mais o direito de respirar. Assim, de repente, alguém decidiu que aquele homem não deveria mais viver; ou então ele era tão bom que a vida não o merecia.
    Ultimas visões de um homem: olhos brilhando na noite, uma estrela cadente e... a morte. Não sei se o odor que se espalhava rapido pelo local era o de sangue ou o de terror. Tudo parece confuso demais para analisar... confuso demais...
    Ao raiar do dia, a notícia correu rápido. Porque isso tinha que acontecer justo dias antes do Grande Dia? Toda a atenção se voltava à uma unica coisa: um corpo jogado pelo chão. Sangue, muito sangue, estava como um oceano abaixo do corpo pálido e imóvel. E as pessoas, os murmurios, os gritos, o desespero e, ainda, o nojo corriam por sobre a multidão que se concentrava ao redor do homem sem vida, ao canto do edificio.
    Só existia um unico suspeito: na verdade uma garota. Ela podia não ser culpada, mas as pessoas a julgavam assim, e isso era suficiente. Eles não queriam uma explicação lógica: só queriam poder botar a culpa toda para cima de alguém, não importando quem.

---------------------------------------

Oii ^^'
Esse é parte de um conto que escrevi faz um bom tempo; nunca o terminei, não sei exatamente o porque. De alguma forma - vocês podem não saber - mas sou fanática por livros e histórias de mundos imaginários, e, na verdade, esse conto era para retratar um local num outro mundo ^^'

Espero que tenham gostado.
Boa quinta.

7 comentários:

  1. Adorei o conto, e adorei mais ainda o blog, muito bom ... Se poder passa lá no meu blog e me segue:
    life-viciosmanias.blogspot.com
    Ja estou te seguindo !

    ResponderExcluir
  2. Uaww! Fiquei curiosa com relação ao que aconteceria com o resto da história. Gostei muito desse trechinho, espero q um dia termine o conto.

    ;*

    OBS: Tbm gosto de "mundos imaginários" *o*

    ResponderExcluir
  3. Ei, não tem continuação??
    u.u
    Continuação! Continuação!
    ***
    Bem, eu também gosto de livros de ficção. Na verdade, eu sou APAIXONADA por eles. É uma viagem só.
    Painho mesmo faz o comentários: tu ri sozinha lendo...
    Mal ele sabe que não é tão sozinha assim... Eu abro um parentese na minha vida toda vez, um parentese para deixar-me e ser o personagem e, de certa forma, quando o parentese se feixa, o personagem, ele e a história dele, meio que se mistura a mim, pelo menos um pouco...
    Ai, poderia ficar falando disso por muito tempo, eu acho... Mas eu estou no trabalho da minha mãe, é o aniversário dela...
    E, bem, já vou indo.
    (:
    Continuação! Tenta, pelo menos?
    Beijooo, Ju

    ResponderExcluir
  4. Ah, onee-chan, continue o conto ._. aposto que ficará ótimo. Você poderia até ficar famosa por ele, só um pouco de sorte ali e aqui e vc consegue ;D -q
    (até agora, só o mico na frente do banheiro que aconteceu de verdade no Diario da Etsuko... :X)

    beijo

    ResponderExcluir
  5. Não, adoraria ler o Senhor dos anéis, mas ainda não tive a oportunidade. Narnia eu comprei o livro pela net, mas ainda não chegou. (¬¬º)
    O negócio é que gosto de fantasia no geral. xD Percebi vendo teu perfil que você gosta de HP (*---*) é a minha série favorita!

    Enfim, obrigada por mais uma visita ao meu blog!

    ;*

    ResponderExcluir
  6. Muito envolvente essa parte do conto!!

    Ahh quee! Não vai ter continuação? Ah isso ser muito dah hora ver o final dessa história.

    Obs: Tadinha da menina!

    ResponderExcluir
  7. Oii, seu texto está maravilhosamente maravilhoso, eu gostei mto!!
    Tbm gosto de histórias de mundos imaginários!
    Se puer passa la no nosso blog e nos segue:
    http://fbgabihthai.blogspot.com/
    Bjsss..
    By: Gabiih

    ResponderExcluir