Abri a folha, ouvindo o barulho de suas dobras se desfazendo, embora estivéssemos num lugar tão barulhento. O papel amarelado nos mostrava algumas marcas de tempo, e, numa letra caprichada e grossa, eu li o escrito:

        “Bruxa do Leste. Montanhas do Abissal, próximo ao Reino do Noroeste e ao lado de uma floresta sem nome.” – parei de ler para analisar melhor as palavras: Floresta sem nome? Logo abaixo dessas, e mais algumas poucas palavras explicativas, um mapa se estendia inerte no papel.
       Um pouco mal desenhado, mas fácil de ser lido. Uns traços incertos e curvados eram identificados como áreas montanhosas, umas trilhas se estendiam pelo mapa, um enorme castelo pontiagudo se levantava ao lado de uma linha curvada maior que as outras, onde dizia, com letras bem grafas e maiúsculas: AQUI É SEU DESTINO.
      Seguirei um pouco minha respiração, olhando o mapa com mais atenção. Teríamos de ir tão longe assim? Moramos próximo do reino oficial do Oeste, em um pequeno país ao lado do principal da região; para chegarmos até aquelas bandas, chegando tão próximo do Reino do Noroeste, teríamos que andar por dias – e noites também.
      Mas se isso era pra curar Luana, porque não arriscar?
      A menina suspirou, olhando pro papel.
      - Reino do Noroeste... Não gostei muito da idéia. – ela murmurou.
      Eu sabia o porque do medo dela, que, aliás, eu também sentia. Mesmo depois de anos de paz, o Reino do Noroeste é um ótimo lugar pra você aprender sobre a guerra. Lá é lugar de pessoas más; não ladrões covardes, como nós; mas pessoas cruéis. Aliás, aonde está o limite entre maldade e crueldade? Não seria tudo a mesma coisa?
      Deve depender do ponto de vista; e, pelo meu, pessoas cruéis matam por diversão, e guerreiam para passar o tempo. Pessoas más matam, como eu. Eu sou mal, não cruel. Sou mal. Desejo não ter de me ver como alguém cruel.
      Tenho medo do que posso me tornar.
      - Vamos fazer isso. – eu afirmei, com voz firme.

------------------------------------------------------------------------
 
Oi  (;
    Esse é um pequeno trecho da história que eu estou escrevendo atualmente... é, sei que está tosca e tal. Eu queria vir aqui para informar que eu e meu amigo enfim inauguramos o blog que estavámos pensando em fazer *-*:  http://www-wethemselves.blogspot.com/
Entrem, sim?  (;
    
Boa semana pra vocês.  [;

Nenhum comentário:

Postar um comentário